sexta-feira, maio 25, 2007

Uns devem…outros não!

Evangelista aponta o dedo acusador. Há salários em atraso no futebol! O critério do Sindicato foi o seguinte: “o não pagamento do salário até ao dia 5 do mês subsequente àquele a que diz respeito”.
Da lista constam catorze clubes da Bwin Liga e Liga Vitalis. Percorro a lista e verifico que o Belenenses não é um dos faltosos, felizmente.
Transcrevo a reacção de António Figueiredo, presidente da SAD do Estoril, um dos clubes apontados: “Não é verdade. Vamos pagar o ordenado de Abril até 5 de Junho. Só estamos em incumprimento se o não fizermos até essa data. Deviam era ver os atrasos de outros clubes que devem quatro a seis meses de salários e nem constam da lista”!
Evangelista ameaça – “Se fosse em Espanha, os clubes devedores baixavam imediatamente de divisão”.
Fico com dúvidas: O que quereria dizer António Figueiredo quando se refere a clubes que devem muito mais… mas não constam da lista!
E porque é que não se aplica em Portugal aquilo, que com bons resultados, se aplica em Espanha!
Mudo de jornal, olho o Correio da Manhã de hoje, e leio uma pequena notícia esclarecedora: – “Benfica hipoteca centro”! À primeira vista admiti que o meio campo encarnado se tinha mudado de armas e bagagens para o Chelsea, mas não. Trata-se de mais uma brilhante manobra de engenharia financeira conhecida nos meios académicos como a “pescadinha de rabo na boca”!
Vou ver se consigo explicar: o Benfica instalou-se no Seixal, intimado pela respectiva edilidade a construir ali o seu centro de estágio. Era um dos grandes investimentos do município. A Caixa Geral de Depósitos, sempre atenta aos grandes…negócios, apoiou até ao limite de adquirir o nome do centro, que ficou a chamar-se ‘Caixa de Futebol Campus’!
Aqui chegados, ficamos a saber que o Benfica vai hipotecar o centro para garantir um empréstimo de 16 milhões de euros a contrair na dita Caixa Geral de Depósitos. Assim fica tudo em família.
No futuro, pode ser que a Câmara do Seixal considere de interesse público adquirir o centro de estágio, devidamente hipotecado, para mais tarde o devolver ao Benfica como recompensa pelos serviços prestados às gentes do Seixal. Todo este investimento poderá ser apoiado pela madrinha do centro, que é, já adivinharam, a Caixa Geral de Depósitos, ou ‘Caixa Futebol Campus’, como facilmente se deduz.
Depois disto, quem é que tem lata para obrigar algum clube a cumprir a lei!
Saudações azuis.

xmlns:dc="http://purl.org/dc/elements/1.1/"

<< Home