terça-feira, junho 19, 2018

A oitava maravilha!


Por ser do Belenenses nunca teve o reconhecimento que a memória atribui aos ídolos do desporto. Não gosto de comparar, mas se jogassem os três numa mesma equipa, Matateu, Eusébio e Cristiano Ronaldo, o mais sensacional, aquele que arrancaria da plateia as maiores expressões de espanto... esse seria Matateu! Digo-vos eu que os vi jogar a todos. Eusébio e Ronaldo assemelham-se na preponderância atlética sobre a componente criativa. Não são jogadores de área, aparecem na área. Matateu era um jogador de grande área, explosivo, drible curto e fatal. Depois de uma extraordinária vitória contra a Inglaterra os ingleses renderam-se e chamaram-lhe a oitava maravilha do mundo. 

Saudações azuis

Nota: Penso que a fotografia se reporta a um jogo contra a República Democrática Alemã e que dava acesso aos quartos de final do Campeonato da Europa. Ganhámos por duas bolas a zero e Matateu marcou o primeiro golo. Um golo de grande classe que é possível ver na net. Dando o devido desconto à qualidade do filme. 

sábado, junho 16, 2018

Tributo


Fiz estes versos num dia em que me encontrava bem disposto. jsm

quinta-feira, junho 14, 2018

A Liga da rolha! A batota segue dentro de momentos...


Esta é uma liga que se não existisse era melhor, uma liga que se reúne como podia não se reunir, para aprovar mais uns quantos castigos aos dirigentes! Por falarem demais! Por incitarem à violência! A partir de agora bico calado.
Ninguém disse mas estavam todos a pensar no grande 'Satã de Alvalade' ou no 'diabo' dos emails sediado no Porto Canal. Ambos a necessitarem de correctivo exemplar. Pelos vistos vingou a tese federativa de que a violência em Portugal tem a sua origem nas palavras dos dirigentes e não na tremenda desigualdade entre os clubes, na vergonhosa submissão da maior parte deles aos interesses obscuros que regem o futebol português!
Aliás e a provar o que afirmo veja-se como foi chumbada uma proposta que visava acabar com a batota que rodeia a lei dos emprestados. Uma proposta que como já escrevi, tinha em vista impedir que uns quantos espertalhões, sempre os mesmos, continuem a obter vantagens ilegítimas. Venceu a batota. E depois queixam-se da violência!


Saudações azuis

Notas: 1. O G15 comportou-se como era esperado. Também chumbou a proposta do FC Porto que visava limitar os expedientes para contornar a lei dos emprestados.
2. Aprovaram-se entretanto perda de pontos para os incentivos para ganhar. Sobre incentivos para perder não houve propostas. Não era oportuno... 

quarta-feira, junho 13, 2018

Vamos lá unir os belenenses


Imagens da inauguração do Estádio do Restelo em 23 de Setembro de 1956. As festividades encerraram com um jogo contra o Sporting. O Belenenses venceu por 2-1 com golos de Miranda e Matateu.

Saudações azuis

segunda-feira, junho 11, 2018

Um novo meio campo!


Antes de mais confio no Silas e no Zé Pedro para levarem a nau azul a bom porto. E só o facto de se preocuparem com o meio campo deixa-me ainda mais descansado. Por isso confio nas aquisições quer os jogadores venham da Índia ou do Japão. Desde que Silas os conheça ou dê o OK, está tudo bem. Ora para esse meio campo já temos dois jogadores confirmados , Ljujic (sérvio) e  Lucca (brasileiro a jogar na Índia)) mas fala-se em mais um brasileiro (Eduardo Henrique), este a jogar no Brasil e para o lugar de trinco. É evidente que depois alguém terá de ser dispensado. Os nomes equacionados para sair são, segundo li, Yebda, Persson e Saré, todos eles em fim de contrato. Penso que Saré foi útil mas acusa alguns problemas físicos; Yebda que também foi útil acusa alguns problemas psicológicos; e quanto a Persson tenho que referir que revelou uma polivalência que foi crucial na recomposição do centro da defesa face à onda de lesões e castigos que sofremos em determinada altura. Deixemos esse assunto para a equipa técnica.

Falta agora saber se há alguma novidade para o ataque! Mas não vou dar mais palpites. O que for soará. Desde que não sejam emprestados dos eucaliptos...

Saudações azuis

sábado, junho 09, 2018

O problema do contraditório!


Neste caso da falta dele! Aparentemente não é nada comigo, aparentemente não tem a ver com o Belenenses, mas já 'chateia' abrir a televisão ou pegar num jornal e o prato do dia ser sempre igual: - descascar em Bruno de Carvalho! O homem pode até ser um monstro mas a verdade é que até há bem pouco tempo não era, uma vez que ganhou as eleições com confortável maioria. E para todos os efeitos é presidente do Sporting legitimado em eleições livres. Quanto à matilha de cães africanos (é a imagem que me ocorre) que aguarda o momento propício para devorar a vítima, o mais estranho é ela ser constituída maioritariamente por 'cartilheiros' do Benfica! Mas como disse gostava que, para além do próprio, aparecesse alguém com a coragem suficiente para exercer o contraditório. Porque é inimaginável que não haja um argumento a favor de uma direcção que tem quórum sendo que não existe nenhuma norma que a obrigue a renunciar quando os outros órgãos o fazem. Como seria impensável que cedessem às ameaças de rescisão ou outro tipo de chantagens por parte dos jogadores de futebol profissional. Isso seria o fim dos clubes.

Portanto o que podemos concluir desta campanha anti-Bruno são duas coisas aparentemente distintas: - por um lado e não tendo um fundamento sólido para o destituir, os seus adversários agarram-se ao assalto a Alcochete para inflamar a opinião pública tentando fazer de Bruno de Carvalho o autor moral daquele episódio de violência. Seria mais sério se o fizessem de forma declarada em lugar de andarem a enganar as pessoas com manobras eleitorais.

Mas Alcochete também tem servido os intentos da tutela, leia-se - responsáveis governativos! Como nunca tiveram coragem para acabar com as claques querem aproveitar agora esta boleia! Fica-lhes mal como lhes fica mal falarem em terrorismo! É um exagero especialmente para quem assiste, compreende e paga (incluindo a comunicação social) todo aquele aparato policial que envolve os jogos entre os chamados grandes. Não brinquem connosco.

E já que estamos a falar de uma terra de toiros e pegadores deixo aqui uma sugestão ao governo: - se quer resolver o problema das claques (e outros onde o futebol anda metido) então não pode ir lá de cernelha. Tem que ir para a cara do toiro.

Saudações azuis

quinta-feira, junho 07, 2018

Polícia Judiciária instala-se na Luz!


Eu sei que nada disto tem a ver com o Benfica, uma instituição de referência, uma marca de enorme prestígio, etc. Portanto tudo o que for encontrado pela polícia em termos de corrupção, branqueamento, fraude fiscal, deve ser imputado a outros suspeitos. A terceiros, como já ouvi dizer. Temo no entanto que os recursos do orçamento de estado não cheguem para tanta investigação. Aliás, já uma vez sugeri que a justiça deveria pura e simplesmente arquivar tudo o que incomode o Benfica poupando assim os contribuintes a gastos inúteis. Além de que vai ser sempre muito difícil distinguir onde acaba a República e começa o Benfica. E vice versa.

Saudações azuis