segunda-feira, janeiro 11, 2010

Voto de confiança

É cada vez mais difícil escrever sobre o Belenenses, pelos motivos conhecidos, mas sobretudo pelas razões desconhecidas, que o adepto de bancada suspeita mas não tem a certeza. Mas vou dar um voto de confiança a este treinador. É um homem do futebol, já treinou equipas com dificuldades e não recusou a dificuldade acrescida que é treinar actualmente o nosso Clube… ainda por cima com o comboio em andamento.
Reforços?! Tenho lido alguma coisa sobre assunto, mas não há nada de concreto, e o jogo de hoje terá de ser disputado com aquilo que temos o que em minha opinião chega perfeitamente para derrotar o Vitória de Setúbal. Registe-se que se trata de uma equipa que consegue ter um goal-average pior que o nosso! É obra. Marcou os mesmos sete golos e sofreu vinte e sete, mais dez que o Belenenses.
Sei que Manuel Fernandes é treinador experiente, mas que gosta de atacar. Também sei que têm um jogador poderoso na frente, e essa propensão atacante, ligada por certo ao seu passado goleador, pode traí-lo se soubermos ripostar com velocidade e destreza.
Vai estar pouco público, as condições atmosféricas, o facto de jogarmos à segunda-feira (à noite) por causa da televisão, mas acima de tudo por estarmos nos antípodas do nosso código genético (longe da antiga ambição e grandeza) tudo isso somado fará do Restelo o deserto que conhecemos. Vamos ter que nos habituar o que exige do treinador um redobrado esforço de mentalização da equipa. Que terá de ser consistente e forte independentemente do público que estiver presente.
É também nesse sentido que dou um voto de confiança a António Conceição.

Saudações azuis

xmlns:dc="http://purl.org/dc/elements/1.1/"

<< Home