terça-feira, março 11, 2008

Crónica tardia

Eu tardo mas não falto, foi só deixar passar aquele tempo de repouso indispensável para os nervos, e cá estou outra vez para vos contar o que sinto sobre mais este desastre!
Em primeiro lugar chamar a atenção para um facto incontornável e preocupante, a saber: em três jogos, dois deles em casa, sofremos a módica quantia de sete golos! Pergunto – ninguém deu por isso?! Vamos continuar assim?!
Em segundo lugar quero lembrar que face a esta fragilidade defensiva, Jorge Jesus optou por retirar um trinco ao intervalo, Gabriel Gomez de seu nome, resolvendo correr ainda mais riscos!
Recorde-se entretanto que a nossa primeira parte foi excelente apesar de termos sofrido dois golos, apesar da tal fragilidade defensiva (damos muito espaço ao portador da bola) e recorde-se também que Gabriel Gomez estava a efectuar uma excelente exibição. Conclua-se por fim que na segunda parte nunca mais conseguimos o mesmo volume de jogo ofensivo nem tantas oportunidades como desfrutámos no primeiro tempo! E como, quer Weldon quer Roncatto, marcam um golo em cada cinco oportunidades falhadas... penso que não vale a pena acrescentar mais nada.
E volto ao mesmo, sete golos em três jogos é muito golo para uma defesa que era das menos batidas do campeonato.
Hoje não há saudações.

Resultado final: Belenenses 2 – Boavista 3.

xmlns:dc="http://purl.org/dc/elements/1.1/"

<< Home