segunda-feira, julho 30, 2007

O dedo na ferida...

"Jorge Jesus orgulhoso da equipa e da conquista para Portugal"
.
"Mais do que a vitória no torneio, Jorge Jesus estava orgulhoso pela excelente representação para Portugal que foi esta participação do Belenenses em Marrocos.
"Sabemos que a vitória neste torneio pode, se calhar, não dizer muito a Portugal, mas deixámos aqui o Belenenses bem representado. É uma vitória prestigiante para o clube e quero dedicá-la ao presidente Cabral Ferreira, que não pôde estar presente devido a problemas de saúde", começou por afirmar o treinador, para depois acrescentar que "o torneio foi transmitido em directo para alguns países árabes, além de Marrocos, possibilitando assim que muitos espectadores pudessem conhecer melhor a equipa do Belenenses".
Jorge Jesus estava também satisfeito no capítulo técnico, já que este torneio possibilitou ganhar ritmo. "Estes dois jogos deram-nos uma grande intensidade de jogo, bem superior àquela que tivemos nos jogos de pré-temporada em Portugal".
"Estou satisfeito com esta vitória, pois revelámos já boa solidez defensiva. Tive algum cuidado na preparação na semana que antecedia o torneio, porque queria ganhá-lo. Físicamente ainda não estamos bem, o que interfere nos aspectos técnicos e tácticos", dissecou, apontando já baterias para o Tereza Herrera: "Os próximos jogos, com Nacional e E. Amadora, não me dizem nada".
.
Fonte: Jornal "A Bola" de hoje, que com a devida vénia transcrevo.

xmlns:dc="http://purl.org/dc/elements/1.1/"

<< Home