sexta-feira, outubro 07, 2016

Onde está o problema afinal?!

O problema não deve ser dos treinadores porque exceptuando Sá Pinto (uma escolha pessoal da SAD e nada consensual entre os adeptos) quer Lito Vidigal quer Jorge Simão são hoje treinadores de sucesso. O caso de Velasquez é diferente e deve ser analisado a outra luz. Foi também uma escolha da SAD, aliás em termos teóricos quem escolhe os treinadores é sempre a SAD, mas atenção, há escolhas e escolhas. A escolha de treinadores que ninguém conhece, sem curriculum visível, "escolhas à Pinto da Costa da última fase", essas escolhas o Porto pode fazê-las mas o Belenenses não tem arcaboiço para tanto erro. Note-se no entanto que apesar da sua inexperiência, bem patente nalguns jogos e nalgumas goleadas, Velasquez conseguiu inverter a situação colocando o Belenenses a salvo da descida. E mostrou com a contratação de Juanto que sabia comprar bom e barato. Falhou no entanto o acesso a outro patamar no jogo com o Arouca onde veio ao de cima a experiência e matreirice de Lito Vidigal. Este é o retrato que guardo do treinador espanhol. E confesso que esperava uma época melhor e uma equipa melhor apetrechada. Mas não foi isso que se viu na pré-época. Vieram emprestados, jogadores jovens que dão poucas garantias, vieram também jogadores a custo zero, o caso de Gerso, e a fechar o mercado, em desespero de causa, veio o Vítor Gomes para ficarmos com o meio campo do Moreirense da época passada! Moreirense que ficou atrás de nós. Os jogadores que tinham vindo por causa do treinador espanhol foram-se embora (a saída de Juanto foi para mim uma surpresa) e temos esperança que o lesionado Yebda venha a jogar um dia! E são estes os grandes investimentos da SAD!
Depois disto, sem avançados que se vejam, e na iminência de ficar sem o Sturgeon, o melhor activo que possuímos, é natural que Velasquez tenha dito... adiós!
O problema não está nos treinadores.


Saudações azuis

xmlns:dc="http://purl.org/dc/elements/1.1/"

<< Home