quinta-feira, janeiro 07, 2016

Apreensivo e confuso!

De facto estou um tanto apreensivo (e confuso) pois ainda não percebi (bem) a política de contratações da SAD o que é o mesmo que dizer que também não percebi qual é o projecto desportivo que tem para o Belenenses! Bem sei que entretanto se bateram imensos 'recordes', recordes europeus, coisa que não me impressiona muito. A verdade é que o treinador de tais façanhas acabou dispensado deixando a equipa com o triste recorde de defesa mais batida do campeonato! Por outro lado os treinadores que o antecederam, e não serviam, estão ao fim da primeira volta, em 5º e 6º lugares da primeira Liga.

Em relação aos jogadores contratados, a confusão também é grande! Tão depressa chegam, como logo a seguir, e práticamente sem jogarem, se vão embora. Outros, que em primeira análise pareciam ser mesmo reforços, não vingam e também se vão embora! Jogadores jovens feitos no clube, é melhor nem falar! Mal marcam um golo bonito são vendidos precipitadamente sem vantagens aparentes para ninguém! Por último a aposta em jogadores em fim de carreira tem trazido mais problemas do que aqueles que era suposto resolver.

É com estas perplexidades que entramos num novo ano, com um treinador novo, novo em todos os sentidos, sabendo-se que não tem grande margem para falhar. A primeira Liga está muito competitiva, especialmente para quem nela se queira manter. A prova reside na dificuldade em fazer valer o factor casa. Isto aplica-se a quase todos os clubes.

Duas notas finais sobre o jogo com o Nacional e que empatámos a duas bolas. Não vi e portanto socorro-me de opiniões abalizadas. No caso o treinador adversário um dos mais experientes e sabedores. Disse Manuel Machado que o empate foi justo e que na segunda parte o Belenenses foi superior. Em relação aos méritos de Velasquez parece-me suficiente. Com efeito não é fácil ter que correr (sempre) atrás do prejuízo!


Saudações azuis     

xmlns:dc="http://purl.org/dc/elements/1.1/"

<< Home