quinta-feira, outubro 29, 2015

É bom pagar as dívidas

Ao contrário dos que perfilham a ideia de que as dívidas não são para pagar, mas para gerir, eu gosto de pagar as minhas dívidas. Não vale a pena abordar aqui as dívidas dos clubes de futebol em Portugal. Não há espaço, seria um romance! Interessa apenas salientar que os tempos não estão para dívidas, os credores apertam, e a não ser que seja dinheiro contaminado, já há pouco quem empreste.

Louva-se assim a boa gestão da SAD que pelos vistos tem conseguido cumprir os objectivos a que se propôs. Aliás nunca tive dúvidas sobre a capacidade de gestão de Rui Pedro Soares. As minhas dúvidas são outras. Mas como ficou claro no comunicado, isto foi pago com o pêlo do cão. Como deve ser.

Saudações azuis

xmlns:dc="http://purl.org/dc/elements/1.1/"

<< Home