sábado, agosto 06, 2005

Os clubes do Estado

Há pouco tempo foram as camisolas do Benfica, agora são as portas de Alvalade e da Academia de Alcochete!
Envolvidos em milhões de Euros estão de novo a Portugal Telecom e a EDP!
Claro que não são, "de jure", empresas públicas, claro que devem ser óptimos negócios para ambas as partes, mas com franqueza... será um bom exemplo de conduta? Quando se sabe que os exemplos devem vir de cima?
Toda a gente sabe que a PT e a EDP são empresas "'especiais" e que qualquer negócio com os três grandes do futebol português "cheira" sempre a favor! E ainda assim, não se hesita?
Para lá do juízo de valor que se possa fazer sobre esta febre de arranjar dinheiro a qualquer preço, que não poupa portas e portões, existem regras e limites que não convém ultrapassar, até para os "óptimos" negócios.
Os outros clubes que competem directamente com "estes clubes do Estado" também são gente, e se calhar também têm portas para vender ou alugar!
Afinal o que estas empresas "especiais" estão afazer é pura e simplesmente continuar a desequilibrar, fora das quatro linhas, a competição desportiva! E isso é muito feio e deseducativo!!!
Já expliquei que a sociedade anti-competitiva que somos é um dos traços mais negativos do nosso carácter, que convinha combater e não acentuar .
É por isso que procedimentos deste tipo, não ajudam nada... e remetem-nos para as extintas democracias populares de Leste e para as respectivas sociedades, infantis e tiranizadas !
Não é bom sinal...

Nota:
O que também não é bom sinal é o silêncio geral sobre este assunto!

xmlns:dc="http://purl.org/dc/elements/1.1/"

<< Home